[Amores e Outras Bobagens] #1 Sobre os Primeiros Beijos

Sempre fui uma criança muito extrovertida, daquelas que conversa com todos os coleguinhas e ilumina a sala de aula (convencida? Nem um pouco). O maior chuchuzinho que você respeita. Mesmo sendo tão pra frente, meus pais (e tios) não imaginavam que esse amor de pessoa perderia o BV com um ano e meio de idade. Isso mesmo, arrasei corações e curti a vida desde meus um e meio. Pra que esperar?

Não lembro como aconteceu, no entanto, meu tio poderia muito bem descrever a cena, porque ele estava lá! Ainda melhor do que dar o primeiro beijo na escola, é ter membros da família como platéia. Se tivesse sido ruim, nem dava para abafar o caso.

Acontece que o sujeitinho em questão, um garotinho da minha sala, alguns meses mais velho que eu (quase DOIS anos. Eu estava arrasando o coração dos caras mais velhos), vestindo sua jaqueta jeans e bermuda da creche, tomou coragem e resolveu roubar uma beijoca da donzela aqui. Sem dúvida a cena mais romântica que você já viu: uma menina de cabelos curtos e sorriso angelical (só o sorriso mesmo), andando pelos corredores da creche, se despedindo dos coleguinhas para voltar para casa com o tio, de mochila nas costas e lacheirinha em mãos, quando surge ele, o galã, astro de cinema, beijoqueiro de plantão e lhe rouba um selinho.

O que uma garota de um ano e meio faria? Isso mesmo, nada! O garoto roubou o beijo e saiu correndo, sem dar chance para reação. Será que ele viu meu tio do outro lado do corredor com cara de quem iria virar o Hulk e destruir a cidade? Espero que não.

Minha família reagiu bem ao ocorrido: minha mãe riu (o que mais ela poderia fazer?), meu pai ficou chocado e meu tio, furioso. O restante guardou a história para me constranger no futuro, fato que será muito lembrado quando eu arrumar um namorado, certeza.

E foi assim, em uma tarde de uma dia qualquer, em uma cidadezinha do interior da Bahia, que uma garotinha de um ano e meio deu seu primeiro beijo. Não teve pé levantado, nem borboletas no estômago ou até mesmo música de fundo. Foi apenas uma beijoca roubada no fim da aula.

E não é que dizem que o primeiro beijo é sempre ruim? Do meu eu nem lembro…

1

Anúncios

30 comentários sobre “[Amores e Outras Bobagens] #1 Sobre os Primeiros Beijos

  1. Kkkkkkkkk
    Isto que é dar um beijo precoce rsrsrs
    Eu dei o primeiro aos 13 kkkkkkkk
    E foi muito estranho kkkkk mas depois repetir com o mesmo garoto e gostei demais kkkk
    Nada como ir repetindo e melhorando .conto incrível começou e uma forma e terminou muito bom

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi!
      Minha família não gostou nada desse beijo precoce haha
      O primeiro beijo que dizem ser o mais especial, é sempre o mais estranho (e nojento, dependendo da situação kkk)
      Fico feliz que você tenha gostado ❤ no próximo mês tem mais.
      Beijos!

      Curtir

    • Oie! Tudo sim e você?
      Obrigada ❤ fico muito feliz que você tenha gostado, até porque eu estava com medo de estar muito pequeno ou ruim haha
      Os primeiros beijos são sempre os mais estranhos e horríveis. Nada tão mágico como nos livros kkk pelo menos eu nunca escutei alguém falando que foi bom né.
      Beijos!

      Curtir

    • Oi!
      Que bom que você gostou ❤
      Fico feliz que o seu primeiro beijo não tenha sido terrível assim haha beijar com família de platéia, ninguém merece. E realmente, com o tempo pegamos a prática e melhora (muito);
      Beijos!

      Curtir

  2. Oi ! Eu amei seu texto, mas confesso que fiquei um pouco perdido por não saber se faz parte de alguma coluna, e alguma experiência real sua… Mas talvez já tenha sido dito anteriormente e eu não vi!
    O primeiro beijo que tive na vida eu não lembro (ou talvez lembre kkkk) , mas tive um “segundo primeiro beijo que lembro com muita nitidez e clareza, e gosto muito de lembrar! Rsrsrs
    Esse texto é muito leve e divertido, e de uma fofura linda!! Espero que tem mais ! Beijos! (Não o primeiro!)

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi!
      Nossa, eu tinha postado explicando que postaria crônicas todo mês, mas acabei esquecendo de avisar na primeira crônica haha desculpa.
      A experiência foi 100% real e constrangedora, até hoje me lembram disso kkk.
      Ah, como eu queria esquecer a história do meu “primeiro beijo” (e olha que nem é desse que eu tô falando).
      Obrigada ❤ vou postar todo início de mês, então em Julho tem mais algum acontecimento constrangedor te esperando aqui.
      Beijos! (Não o primeiro nem o segundo kkk).

      Curtir

  3. Hahahaha
    Que gracinha, o meu eu lembro bem, mas adoraria poder esquecer. Foi ruim e constrangedor, enfim adorei sua historinha história uma graça, além disso sua narrativa é muito boa, devia experimentar escrever uns contos. Eu leria com toda a certeza. Vou esperar mais fofurices dessa por aqui, gostei mesmo do texto, mas me tira uma dúvida que surgiu: você sabe por onde anda o tal cavalheiro beijoqueiro? (Isso se você souber quem era, né? Porque apesar de não se lembrar pode ser alguém conhecido, visto que estudavam na mesma creche 😉

    Beijos!

    Curtir

  4. Amei seu tom bem humorado rs Que história mais cut-cut. Textitos como esses deveriam virar moda, amo ler relatos fofos e bem humorados. Adorei realmente o tom! Adorei também a parte do “se transformar em Huck e sair distruindo a cidade”, ri alto aqui. Parabéns, você escreve bem! Bexitus!

    blogliterarioamorlivresco.blogspot.com.br

    Curtir

  5. Olá!
    Seu texto ficou maravilhoso! Tenho uma história parecida com a sua, além de um foto também, então posso dizer que não me lembro do meu primeiro beijo também hahaha Mas adorei a foto no final do post, ficou lindo!
    Beijos.

    Curtir

  6. Que texto demais! haha adorei sua história do primeiro beijo, o meu eu me lembro bem e foi meeega estranho, mas tive oportunidade de treinar e aperfeiçoar (haha), achei muito divertida sua história, sua escrita também é boa, ótimo post!

    Curtir

  7. Olá!!

    Que crianças precoces rs… Eu beijei com 9 anos e pensei que estava arrasando. Foi esquisito e eu não gostaria de lembrar, mas segue a vida. Eu adorei a forma como você escreveu, muito próximo do leitor, continue com o bom trabalho.

    Beijos e Sucesso

    Curtir

  8. Olá!
    Gente que postagem mais amorzíneo. Não acredito que essa história aconteceu assim! Achei muito fofo o que aconteceu e imagino só a mãe nessa situação, acho que também riria.
    Meu primeiro beijo foi do lado da biblioteca com um rapaz que nem gostava e ele mordeu meu lábio a ponto de arrancar sangue hahaha
    Beijos

    Curtir

  9. Olá!!

    Que texto mais fofo é esse?! Ameeei essa a Tom tão bem humorado que você usou para escrevê-lo. Parabéns!
    Quanto à esse assunto, eu não sei o que é pior: a expectativa de que seja perfeito, ou o conformismo de que não será tão bom assim. Mas de qualquer forma, é um momento interessante de ser lembrado, para quem pode, né?! Hahaha

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    Curtir

  10. Oi, tudo bem?
    Que crônica mais fofa! Adorei a forma como você escreveu, de um jeito leve e divertido, fazendo o leitor imaginar a cena toda. E que crianças mais precoces, hein? kkkk
    Quanto ao primeiro beijo, prefiro nem lembrar do meu, muito esquisito hahaha.
    Beijos

    Curtir

  11. Oi, tudo bom?
    AAA, que conto mais fofo! Essas histórias fofas de infância trazem um sentimento bom né? Tudo é mais puro nessa época e essa pureza faz muita falta nos dias de hoje. Isso de primeiro beijo é engraçado né? O meu primeiro não teve nada demais, mas, eu com meus 15 anos recém completados saí com um rapaz de 19, fomos ao shopping. Ele se declarou e na hora que viu que eu dei moral, colocou a mão na cabeça e falou na maior altura “Meu Deus, o que eu faço agora?”. Eu fiquei super constrangida, pq o shopping estava cheio e tals, mas, depois descobri que era o primeiro beijo dele. Se ele esqueceu, não sei. Eu sei que o momento ficou na minha memória kkkkk
    Beijos

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi!
      Verdade, tudo é muito mais puro nessa época e os primeiros beijos são sempre bem estranhos, embora o meu não tenha sido um “beijo” de verdade haha.
      Sobre o seu primeiro, não sei como foi pra você, mas lendo eu achei muito fofo (e constrangedor), e acho que assim como você ele não deve ter esquecido. Ninguém esquece o primeiro beijo haha ainda mais com essa cena no shopping kkk
      Beijos!

      Curtir

  12. Own que fofo hahahaha!
    Primeiros momentos da vida de uma pessoa sempre são marcantes, ainda que a gente não lembre tem sempre alguém que pode contar a história e pode nos envergonhar ou deixar completamente nostáugico.
    Adorei sua história, meu primeiro beijo foi meio traumático, mas não precisamos falar disso

    Curtir

  13. Ooi,
    Que bonitinha sua história! Ahahaha adorei, achei super divertida de ler! E a sua família usar isso pra te constranger é incrível ahaha parabéns pelo blog!

    Corujas de Biblioteca

    Curtir

  14. Pingback: [Amores e Outras Bobagens] #2 Sobre Cantar na Xuxa | Aspas & Vírgula

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s